Livre-se de toxinas acumuladas e potencialize o seu desodorante natural em 3 passos

Livre-se de toxinas acumuladas e potencialize o seu desodorante natural em 3 passos

Quando eu primeiro me decidi fazer a troca do desodorante convencional para o natural, eu logo me deparei com um probleminha. Tive a sensação (e depois a confirmação) de que não estava funcionando. O cheio era tão ruim depois de um dia inteiro na rua que eu não podia fazer movimentos brusco para não exalar o odor pelo ar. Resumindo, passei o resto do tempo com os braços colados no corpo e rezando pra ninguém estar sentido o que eu estava sentindo. A partir daí, entrei em desespero porque, por um lado eu não queria feder e por outro não queria mais aplicar toda aquela porcaria química das alternativas convencionais.

Felizmente me deparei com um post falando sobre a necessidade de dar tempo para as axilas desintoxicarem, liberarem tudo de ruim que se acumulou ali durante anos de antitranspirantes que entopem os poros. Descobri que só depois de deixá-las livres de qualquer mal, que os desodorantes naturais passariam a funcionar do jeito que devem. Ufa!

Pra fazer essa mudança com sucesso é necessário seguir os seguintes passos:

1. Pare de usar o seu desodorante comum, entre no banho e, com uma bucha, remova a pele morta e toxinas das axilas;

2. Após o banho, aplique uma quantidade de bicarbonato de sódio nas axilas ainda úmidas para depois aplicar o seu desodorante natural;

3. Quando sentir que o cheiro está começando a ficar desagradável, lave as axilas de novo e coloque mais bicarbonato de sódio e desodorante natural;

Repita esses processo por duas semanas ou até o desodorante natural funcionar por até 6 horas.

No início, o processo vai precisar ser repetido umas 5, 6 vezes no dia, mas conforme for passando os dias, a quantidade de vezes que será necessário diminuirá bastante. Apesar do trabalhão nas primeiras semanas, você vai poder se livrar do mal odor e químicos tóxicos pra sempre (ou pelo menos por um bom tempo).